Manutenção do piso vinílico: tire aqui suas dúvidas Manutenção do piso vinílico: tire aqui suas dúvidas

Manutenção do piso vinílico: tire aqui suas dúvidas

4 minutos para ler

Você acabou de comprar o imóvel dos seus sonhos e não gostou do piso? O piso da sua casa estragou ou está fora de moda, e você quer trocá-lo sem gastar muito e sem quebra-quebra de obras? Graças ao piso vinílico, fazer isso é possível!

O piso vinílico veio como uma solução bonita, prática e econômica. Acompanhe o nosso post e saiba tudo sobre essa novidade no segmento de decoração!

O que é piso vinílico?

São pisos feitos de 100% PVC (policloreto de vinila), resinas vinílicas e minerais. Bastante versátil, o piso vinílico pode ser aplicado em casas, consultórios, academias e muito mais. Esse material também oferece uma enorme variedade de cores, formas e desenhos, deixando o ambiente muito mais charmoso.

Como instalar corretamente o piso?

A instalação é simples, mas recomenda-se a contratação de um especialista para avaliar o tipo de piso que receberá a aplicação e os cortes. Geralmente, os pisos vinílicos são colados, mas existem alguns tipos de encaixe que dispensam a cola durante a instalação.

A sugestão é aplicar cortes verticais à entrada da porta do ambiente, pois isso evita que o piso se solte ao abrir ou fechar as portas. Não é recomendável aplicar o vinílico sobre madeiras, pois deixa marcas, nem sobre carpete têxtil e cimento queimado.

No caso de sobreposição, é importante também que a superfície esteja limpa, impermeabilizada e nivelada para receber o novo piso. Se for instalado sobre cerâmica ou porcelanato, basta passar uma massa niveladora, para que as imperfeições e rejuntes não apareçam.

Após a instalação, o cômodo pode ser ocupado imediatamente. Inclusive, é uma das orientações dos especialistas, para que o peso dos móveis ajude na fixação do piso. Contudo, para a primeira lavagem, devem-se aguardar dez dias.

Como fazer a limpeza do piso de vinílicos?

A limpeza do piso vinílico é muito simples, e a higienização dependerá da intensidade do uso da área. A limpeza correta ajuda na durabilidade e aparência do piso, por isso é tão importante fazê-la da maneira correta. Observe:

Limpeza e conservação mecanizada

Você pode retirar a poeira com vassouras de pelos macios, de preferência. A lavagem pode ser feita com detergente neutro diluído em água com o auxílio de enceradeira de disco vermelho ou verde. Caso haja cera no piso, utilize o removedor neutro também diluído em água, dessa vez com o disco preto.

Após remover a água, deve-se aplicar cera acrílica impermeabilizante, e, entre uma camada e outra, aguardar a secagem por trinta minutos, totalizando quatro camadas. Para a última deve-se esperar pelo menos duas horas de secagem.

Limpeza e conservação manual

Comece varrendo o piso com vassoura de cerdas macias. Inicia-se a limpeza utilizando detergente neutro diluído em água. Caso exista cera no piso ou manchas mais pesadas, use um removedor neutro. Para manchas de fácil remoção, use apenas a vassoura ou esponja, ambas macias.

Em seguida, enxágue com um pano limpo e rodo. A aplicação da cera deve ser feita da mesma maneira da limpeza e conservação mecanizada. É importante lembrar que, para os dois tipos de limpeza, o vinílico não pode ficar submerso na água, exceto os próprios para cozinha e banheiro.

Quais são as outras recomendações gerais?

Para proporcionar brilho e proteção ao piso vinílico, o uso da cera na linha é obrigatória, isso facilita a limpeza diária e periódica. Não se devem utilizar solventes ou outros produtos abrasivos na limpeza do piso.

No mercado, existe uma linha de pisos vinílicos desenvolvida especialmente para ambientes molhados, mas no geral não é recomendado instalá-los em áreas externas.

Agora que já sabe todas essas informações sobre o piso vinílico, é só escolher o que melhor combine com a sua decoração e dar um toque mais moderno no seu imóvel. Ainda tem alguma dúvida sobre o piso vinílico? Entre em contato conosco e converse com um especialista: nossa equipe está à disposição para ajudar você!

 

Reforma do Lar: Guia para a escolha do piso perfeito para cada ambient

 

 

Posts relacionados

Deixe uma resposta