Pisos vinílico e laminado: Como fazer a limpeza correta? Pisos vinílico e laminado: Como fazer a limpeza correta?

Pisos vinílico e laminado: Como fazer a limpeza correta?

7 minutos para ler

Não há dúvidas de que os pisos vinílico e laminado são os queridinhos do momento no mercado A&D. De fácil instalação, podem ser aplicados sobre o revestimento antigo pelos métodos de cola ou click (por meio do encaixe das peças).Versáteis, esses pisos estão disponíveis em vários tamanhos, cores, texturas e padronagens pensadas especialmente para deixar o seu lar com a sua cara.

Práticos, eles podem ser limpos sem esforço, dor de cabeça ou produtos caros.Além da praticidade na limpeza, com economia de tempo e energia, o uso desses tipos de pisos ainda contribui para que sua casa tenha sempre aquele ar de que acabou de receber uma faxina, mantendo o revestimento brilhante, protegido e em ótimo estado de conservação.

Você sabe qual é o melhor jeito de fazer a limpeza? Que tipos de produtos podem e quais não podem ser usados sobre os pisos vinílico e laminado? Neste post explicaremos o passo a passo para você fazer a limpeza correta, mantendo o piso limpo e bem conservado por muito mais tempo. Veja só!

Como limpar pisos vinílicos

O uso de um pano úmido em uma solução de detergente neutro e água é o grande curinga, retirando toda a poeira e a gordura do piso sem comprometer a película protetora da peça ou descolorir o vinil. Veja o passo a passo da limpeza diária:

  • o primeiro passo é evitar o acúmulo de sujeira sobre o piso. Com o tempo, a poeira e a gordura acumuladas dificultam a limpeza, fazendo as pessoas apostarem em produtos químicos mais fortes, o que acaba estragando o piso;
  • comece a limpeza passando uma vassoura de pelo levemente sobre o piso, para retirar qualquer sujeira que possa riscá-lo ou danificá-lo na hora de passar o pano úmido;
  • dilua um pouco de detergente neutro em um balde com água e molhe o pano, passando sobre o piso com o auxílio de um rodo, de maneira leve e uniforme. Lembre-se de que bastam algumas gotas de detergente para obter uma mistura consistente e espumosa;
  • remova o excesso de água com um pano limpo e que não solte fiapos. Assim, você evita a formação de mofo e bolor e mantém a aparência lustrosa do piso. Para renovar periodicamente o brilho, você pode utilizar também uma cera que tenha sido recomendada pelo fabricante.
  • é importante lembrar que o pano precisa ser torcido antes de entrar em contato com o piso para que não haja excesso de água, substância que enfraquece a cola do piso e danifica-o ao longo do tempo.

Como proteger ainda mais os pisos vinílicos

Além da limpeza diária, é preciso ter alguns cuidados extras para evitar danos ao piso vinílico. Os principais cuidados devem ser no sentido de evitar ao máximo riscar a superfície do piso. Para isso, convém usar tapetes nos locais de mais circulação, retirar os sapatos antes de entrar em casa e não arrastar móveis e cadeiras sobre o piso. No que se refere às cadeiras da mesa, por exemplo, é inevitável a movimentação, e por esse motivo é aconselhável aplicar feltros protetores adesivos nos pés da mobília — para evitar riscos e atritos mais agressivos.É recomendado até mesmo manter as unhas dos animais de estimação aparadas e/ou fazer uso de sapatinhos de pano que evitam o contato direto com o chão.Considere ainda que a urina dos animais também pode danificar o piso, produzindo uma mancha difícil de ser limpa após algum tempo. Por esse motivo, pode ser interessante restringir o acesso dos animais ou ficar o mais atento possível a essas ocorrências.Em caso de obras em casa, é preciso proteger todo o chão com plásticos ou papelão, a fim de garantir a preservação do piso.Feche sempre as janelas antes de sair de casa ou assim que começar a chover, pois os pingos de chuva se transformarão em futuras marcas no piso.Existem produtos que devem ser evitados ao máximo, pois suas características essenciais danificam os pisos vinílicos. Os agentes de limpeza proibidos para esse tipo de piso são: 

  • todos os produtos derivados de petróleo;
  • água sanitária;
  • saponáceos;
  • solventes. 

Os utensílios também precisam ser escolhidos com cautela, já que peças como esponjas e escovas certamente riscarão o piso de maneira irreversível.Por outro lado, são muito bem recomendadas as ceras neutras, que além de proporcionar um bonito efeito brilhoso, ainda oferecem proteção extra para o piso, prolongando sua durabilidade.

Como limpar pisos laminados

Para os pisos do tipo laminado, as instruções são basicamente as mesmas indicadas para a limpeza dos vinílicos. O detergente neutro diluído em água continua sendo o grande curinga, podendo ser passado por todas as extensões do revestimento e garantindo excelentes resultados.A única ressalva é quanto à utilização de ceras e demais polidores, que podem formar uma camada oleosa sobre os laminados, já que esses são um pouco menos resistentes do que os vinílicos.Por esse mesmo motivo, não utilize produtos abrasivos ou materiais pontiagudos durante a limpeza do piso laminado. Reforce o passo a passo:

  • evite o acúmulo de sujeira e gordura;
  • varra previamente o chão com uma vassoura de pelo;
  • caso opte por um aspirador de pó, certifique-se de que as réguas estão posicionadas no sentido longitudinal (sentido do comprimento) para não riscar o piso.
  • aplique o pano embebido em solução de água e detergente neutro de maneira uniforme sobre o piso;
  • remova a umidade com um pano seco e sem fiapos para reforçar o brilho. 

Como proteger ainda mais os pisos laminados

Tenha atenção: lembre-se de não usar materiais abrasivos e pontiagudos, pois eles riscam o laminado, além das ceras e silicones, que também não são indicadas para esse tipo de revestimento.Caso aplique a cera por engano, busque produtos removedores para evitar que elas formem uma camada de gordura que, posteriormente, se transformará em manchas irreversíveis.É importante lembrar que o pano deve ser muito bem torcido para que não haja excesso de água.Esse tipo de piso não deve ser exposto à luz solar e, por essa razão, é indicado o uso de persianas ou cortinas para protegê-lo e prevenir deformações.

Como retirar marcas e manchas

Antes de utilizar qualquer produto, é importante seguir atentamente as instruções do fabricante contidas no rótulo para não comprometer a película protetora ou a estrutura do piso. No nosso site temos manuais autorizados dos fabricantes para a melhor limpeza do seu piso. De qualquer maneira, selecionamos algumas dicas sobre como retirar certas marcas e manchas bastante comuns. Veja a seguir:

  • para manchas de café, refrigerante, suco de uva, graxa de sapato, batom e esmalte de unha, por exemplo, a limpeza mais apropriada é feita com álcool e detergente;
  • para limpar tinta de caneta esferográfica ou massinha de modelar de criança, o álcool aplicado sozinho já resolve o problema;
  • se cair sobre o chão algum tipo de cola ou sujeiras mais resistentes, um pouco de removedor de esmaltes solucionará a questão com eficiência.

Seguindo essas dicas para limpeza de pisos vinílico e laminado, certamente sua casa ficará bem cuidada por muito mais tempo! Quer receber mais dicas exclusivas sobre revestimentos, arquitetura e decoração? Assine nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades!

Reforma do Lar: Guia para a escolha do piso perfeito para cada ambient

 

 

Posts relacionados

Deixe uma resposta