Veja 5 tipos de piso de madeira ótimos para sua casa!

4 minutos para ler

A madeira cria um sentimento de conforto em qualquer ambiente. No entanto, por questões de sustentabilidade, valor elevado e manutenção complexa, os tipos de pisos de madeira de lei estão sendo cada vez menos usados, dando espaço para opções tecnológicas à base desse material.

Por isso, se você deseja acrescentar o charme da natureza no seu projeto, mas não sabe bem qual seria a melhor versão do piso de madeira, vamos ajudar com 5 ótimas opções. É só prosseguir na leitura e escolher o que melhor se encaixa nas suas necessidades. Confira!

1. Conheça os assoalhos de madeira

O assoalho é aquele piso tradicional, confeccionado em madeira pura e tratada. Sem dúvidas, ele é um acabamento nobre e muito durável para o ambiente. Por outro lado, é possivelmente a proposta mais cara. Apesar da beleza e da imponência, esse tipo de piso não é muito empregado hoje em dia.

Afinal, por mais bonito que seja, ele arranha com facilidade, tem manutenção um pouco mais complexa, é de difícil instalação, traz valor elevado e é pouco sustentável. Por isso, materiais tecnológicos à base de madeira estão ganhando cada vez mais espaço no mercado e nas casas das pessoas.

2. Descubra os tipos de pisos de madeira laminados

Os laminados são alternativas muito mais viáveis aos tipos de pisos de madeira convencionais. Eles são fabricados por meio de um processo que une várias camadas de materiais provenientes da madeira, chamadas de lâminas.

Elas exibem diferentes espessuras e cada uma delas tem uma função na composição do piso. Basicamente, a primeira camada é responsável pelo isolamento térmico e proteção do piso. A lâmina do meio é a que realmente garante a espessura e consistência do material, feita, geralmente, em HDF (High Density Fiberboard). Já a camada superior assegura a estampa e o acabamento do piso.

Ele pode ser considerado um piso de madeira por ser produzido quase em sua totalidade com esse material. A vantagem é que é muito mais prático de aplicar, apresenta cores e tamanhos variados e ainda é bem econômico.

3. Saiba mais sobre os pisos que imitam madeira

Há, ainda, modelos que não são fabricados com madeira, mas procuram imitar esse material. É o caso de alguns tipos de porcelanatos e vinílicos. Os primeiros são bastante resistentes, duráveis e podem ser usados nos mais variados ambientes. Entretanto, não garantem o conforto térmico e acústico da madeira.

Já os vinílicos são opções mais baratas que o porcelanato e ficam incríveis em locais com grande circulação de pessoas. No entanto, se você quer um piso com efeito mais próximo ao assoalho, é melhor optar pelo laminado, já que ele é feito, principalmente, de madeira.

4. Entenda o que são os parquets de madeira

O parquet de madeira consiste na união de pequenas peças formando desenhos geométricos. Esse é um dos tipos de pisos de madeira mais comuns nos apartamentos e casas antigas e, embora seja realmente bonito, é extremamente caro e trabalhoso.

Como é necessário encaixar cada peça no local correto, sua instalação é demorada e complexa. Após o encaixe perfeito, é necessário que seja aplicada uma camada de pó de serragem para corrigir imperfeições e, então, vêm as camadas de sinteco ou resina. Tudo isso demora bastante e precisa ser feito por um profissional experiente para um resultado satisfatório.

5. Aprenda um pouco sobre os tacos de madeira

Os tacos também são bastante tradicionais e costumam ficar charmosos na decoração. No entanto, ao contrário do parquet, no caso dos tacos, são usados pequenos tijolinhos de madeira posicionados de diversas maneiras, sendo possível criar diferentes padrões.

Entretanto, embora sejam pisos que duram muito, também são caros e trabalhosos na hora da instalação. Além disso, necessitam de cuidados especiais para ficarem sempre bonitos.

Se você quer o conforto e o charme de um material natural na sua casa, existem muitos tipos de pisos de madeira para escolher. Entre eles, o mais prático e versátil é o laminado. Vale lembrar que é sempre importante optar por materiais de boa qualidade, com fornecedores que se importam com o resultado do seu projeto. Certamente, isso vai fazer toda a diferença.

Já escolheu o seu? Entre em contato conosco e tire suas dúvidas agora mesmo!

Posts relacionados

Deixe uma resposta